Opinião | Verity

Autora: Colleen Hoover
Editora: Topseller
Ano de Publicação: 2019
Género: Indie Thriller
Nº de Páginas: 320

SINOPSE

«Lowen Ashleigh é uma escritora que se debate com grandes dificuldades financeiras, até que aceita uma oferta de trabalho irrecusável: terminar os três últimos volumes da série de sucesso de Verity Crawford, uma autora de renome que ficou incapacitada depois de um terrível acidente.

Para poder entrar na cabeça de Verity e estudar as anotações e ideias reunidas ao longo de anos de trabalho, Lowen aceita o convite de Jeremy Crawford, marido da autora, e muda-se temporariamente para a casa deles. Mas o que ela não esperava encontrar no caótico escritório de Verity era a autobiografia inacabada da autora. Ao lê-la, percebe que esta não se destinava a ser partilhada com ninguém. São páginas e páginas de confissões arrepiantes, incluindo as memórias de Verity relativas ao dia da morte da filha.

Lowen decide ocultar de Jeremy a existência do manuscrito, sabendo que o seu conteúdo destroçaria aquele pai, já em tão grande sofrimento. Mas, à medida que os sentimentos de Lowen por Jeremy se intensificam, ela apercebe-se de que talvez seja melhor ele ler as palavras escritas por Verity. Afinal de contas, por mais dedicado que Jeremy seja à sua mulher doente, uma verdade tão horrenda faria com que fosse impossível ele continuar a amá-la.»

A primeira vez que li um livro da Colleen Hoover fiquei rendida. Estreei-me na sua escrita com o Isto Acaba Aqui e, após inúmeras publicações e comentários de outros bookstagramers, decidi continuar a desbravar as suas obras com o Verity, uma espécie de thriller indie lançado pela autora em formato independente, editado em português pela Topseller.

E caramba. 

Que viagem.

«My mother used to say that houses have a soul, and if that is true, the soul of Verity Crawford’s house is as dark as they come.»

Lowen, uma escritora anónima, achou que iria finalmente conseguir dar a volta à sua vida ao aceitar a proposta de uma editora para dar continuidade às obras da famosa autora Verity Crawford, após o seu misterioso acidente. O que ela nunca imaginou foi que esse trabalho iria mudar a sua vida para sempre. Ao ser convidada a passar uns dias em casa de Verity, de forma a conseguir estudar as suas anotações, vê-se dividida entre a atração que sente por Jeremy, marido de Verity, e os segredos sombrios que se escondem naquela casa.

Uma história arrepiante e cheia de emoções onde nada é o que parece. As personagens são complexas, o enredo é brilhantemente organizado e qualquer adjetivo que eu usasse para descrever o final seria um eufemismo. ⁣

«And that’s what love at first sight is. It isn’t really love at first sight until you’ve been with the person long enough for it to become love at first sight.»

Esta história foi emoção do princípio ao fim. Nunca senti tanto medo, tanta ânsia e curiosidade ao mesmo tempo. Foi uma leitura tão intensa que havia cenas que deixavam o meu coração em sobressalto. Eu vivo a história, sofri com as personagens. Soube que seria uma avaliação de 5 estrelas mesmo antes de chegar à última página.⁣

Sem dúvida, o melhor livro que li este ano até agora.

Capa: ★★★★☆
Enredo: ★★★★★
Escrita: ★★★★★
Personagens: ★★★★☆
Avaliação Final: ★★★★★

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.